SALVATERRA DE MAGOSUM CONCELHO A VISITAR!

CONSULTAR PROGRAMA Mês da Enguia 2017

Celeiro da Vala Real

A sua origem remonta ao séc. XVII e esteve intimamente ligado à Casa do Infantado – Instituição Real, que consistia numa organização patrimonial, para os segundos filhos dos monarcas.

No período conturbado após a revolução liberal, a Casa do Infantado é extinta em 1834 por um decreto de D. Pedro IV. Todos os seus bens foram integrados na Fazenda Nacional. Em 1836 o edifício passa para a Companhia das Lezírias, acentuando ainda mais a sua característica agrícola.

No exterior do edifício, um nicho em mármore com um frontão triangular, rematado por uma cruz em pedra, com a data de 1657, assinala um antigo passo da paixão de Cristo.

Com o passar dos tempos, Celeiro cessa as suas funções de cariz agrícola e foi abandonado, em 1998 foi adquirida pela Câmara Municipal de Salvaterra de Magos e iniciou-se um processo moroso de recuperação, respeitando sempre a traça urbanística, e desta forma adoptou este edifício para Espaço Cultural.

LOCAIS A VISITAR

PARCERIAS 2017

Tudo é possível, quando se trabalha em equipa.
Acreditamos na ideia de que todos juntos somos mais fortes!